Amsterda, Holanda, O que fazer, Passagens aereas, Clima, Compras, Hotel

 


O que ver e fazer em Roterdã


Roterdã é uma cidade na Holanda, a segunda mais importante depois de Amsterdã, que é a capital. Sua importância se deve também a ter o maior porto marítimo de toda a Europa. O nome da cidade vem de uma represa (dam) do rio Rotte, por isso o nome Rotterdam. Além de seu porto, outro destaque importante da cidade é a arquitetura, sendo uma das cidades holandesas mais modernas, com várias construções famosas e que se destacam. Ao mesmo tempo que é uma cidade muito moderna, contrasta com alguns prédios mais antigos e conservadores, como acontece com a maioria das cidades europeias. Apesar de ficar ao sul do país, fica a apenas meia hora de trem da capital, sendo uma boa distância para fazer um bate e volta e conhecer também os pontos turísticos de Amsterdã.

O que fazer em Roterdã

Arquitetura em Roterdã

A cidade foi destruída pelos bombardeios que ocorreram durante a Segunda Guerra Mundial e por isso teve de ser reconstruída. Por tal motivo, Roterdã é tão diferente das demais cidades holandesas na questão da arquitetura, abraçando a modernidade e tornando a cidade um marco arquitetônico de destaque. Há muitos edifícios modernos no centro e ao longo da cidade, mas há também alguns prédios que conseguiram sobreviver ao ataque. Um exemplo disso é o edifício da prefeitura da cidade, o Stadhuis van Rotterdam. No topo da torre sineira da prefeitura fica a estátua do anjo da paz, feita pelo escultor Johan Keller.

Stadhuis van Rotterdam

Casas Cubos em Roterdã

Um dos principais expoentes da arquitetura moderna e símbolos da cidade são as Casas Cubos (Kubuswoningen) em Roterdã. Trata-se de um conjunto de casas amarelas em formato de cubo, construídas pelo arquiteto Piet Blom. Todas as casas estão habitadas e possuem três andares. Em uma dessas casas funciona um hostel, chamado Stayokay. 

Casas Cubos em Roterdã

Estação central de Roterdã

Uma das formas para chegar a Roterdã é de trem, mas mesmo que você opte por outro meio de transporte, recomendamos a visita à estação central de trens, a Centraal Station. É um edifício muito moderno, com linhas futuristas e pode-se dizer que é uma construção recente, já que foi inaugurada em 2014. 

Estação central de Roterdã

Markthal Rotterdam

O Martkthal Rotterdam é o mercado municipal da cidade. Pode parecer clichê visitar o mercado municipal de cada cidade, mas o de Roterdã vale muito a pena porque seu edifício é um exemplar da modernidade arquitetônica da cidade. De longe ninguém diz que é um mercado, pois é muito colorido, mais parecendo uma galeria de arte ou centro de exposições. 

Markthal Rotterdam

Museus em Roterdã

Em meio a tantos edifícios modernos, Roterdã também conserva história e parte dela está refletida nos museus. O mais antigo da cidade é o Wereldmuseum, que é também um dos mais antigos do país. Foi fundado em 1883 e seu acervo contém peças de culturas antigas dos diversos continentes. Mas se você está procurando um museu dedicado à arquitetura, não pode deixar de visitar o Instituto Holandês de Arquitetura (NAI) o qual mostra todas as transformações pelas quais a cidade de Roterdã passou, além de criar eventos referentes ao design e arte. 

Museu Wereldmuseum em Roterdã

Old Harbor de Roterdã

O Old Harbor foi o primeiro porto de Roterdã, construído no século XIV e que hoje em dia serve apenas como atração turística. Nele é possível visitar algumas embarcações que ficaram lá abertas à visitação. Ao lado fica o primeiro arranha-céu da cidade, a Witte Huis (Casa Branca), que foi construído com 43 m de altura e resistiu aos bombardeios de 1940.

Old Harbor de Roterdã

Compras em Roterdã

Há muitos lugares para fazer compras em Roterdã. No centro, as lojas funcionam todos os dias da semana e há estabelecimentos para todos os gostos, desde estilo informal a lojas de luxo. A ''De Meent'' é uma área comercial que cresceu muito rápido e se dedica ao estilo jovem e para quem é antenado nas últimas tendências O bairro Nieuwemarkt & Pannekoekstraat é para quem é mais boêmio, onde você encontra uma ampla oferta de brechós, estilo retrô e lojas de design. Para quem quer ir direto às lojas de marcas famosas e mundiais, o endereço é a rua Beurstraverse, uma grande rua com todas as lojas conhecidas e muito movimento.

Beurstraverse em Roterdã

Como economizar muito em Amsterdã

Não deixe de ver também a matéria de como economizar muito em Amsterdã com dicas incríveis para você economizar muito na sua viagem. É um guia completo para economizar tanto no planejamento da sua viagem com tudo o que precisa contratar e reservar, quanto para economizar quando estiver lá na cidade. Dá para economizar muito na viagem. 


Seguro Viagem obrigatório para a Europa

Uma dica que reforçamos para todos que estão planejando ir à Amsterdã é que não se esqueça que o Seguro Viagem é obrigatório para viajar para a Europa. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre ele e dicas imperdíveis para fazer um excelente seguro por um preço incrível.


Veja outras matérias imperdíveis de Amsterdã:

O que fazer em AmsterdãPrincipais atrações, passeios e lugares de Amsterdã.
Onde ficar em Amsterdã: Melhores regiões para se hospedar em Amsterdã na Holanda.
Ingressos mais baratos de Amsterdã: Onde comprar os ingressos das atrações.
Como usar o celular em Amsterdã: Use seu celular à vontade na Europa.

Postar um comentário

 
Top