Red Light District em Amsterdã
Amsterdã

Red Light District em Amsterdã

Saiba tudo sobre o Red Light District em Amsterdã, um bairro famoso por abrigar vitrines com mulheres vendendo seu serviço e muitos bares. Chamada De Wallen, a região recebeu o apelido de Distrito da Luz Vermelha devido às luzes vermelhas que iluminam as vitrines e as ruas desse distrito. Veja todos os detalhes sobre o Red Light District em Amsterdã e descubra porquê vale a pena incluí-lo em sua programação.

Vitrines no bairro Red Light District em Amsterdã

E, se você estiver planejando viajar para lá não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito em Amsterdã. São dicas muito boas, que valem a pena e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à Holanda vai sair mais barata do que imagina e você poderá gastar mais para aproveitar melhor a sua viagem. Agora, veja tudo sobre o Red Light District em Amsterdã..

Sobre o Red Light District em Amsterdã

O Red Light District é um lugar muito conhecido em Amsterdã e no mundo todo. Lá, há grandes casas com vitrines, nas quais mulheres de programa ficam expostas para as pessoas que passam na rua. Esse atrativo se estende por uma rua inteira e é interessante para que os visitantes possam conhecer essa parte da cultura da Holanda, sendo um dos poucos lugares do mundo em que a prostituição é legalizada. O Red Light District é um dos principais pontos turísticos de Amsterdã e da Holanda.

Casas com vitrines no Red Light District em Amsterdã

Curiosidades sobre o Red Light District em Amsterdã

Por ser um local tão diferente dos outros países, o Red Light District se tornou uma atração bastante requisitada em Amsterdã. Como citamos anteriormente, o nome também se dá por conta das luzes vermelhas que iluminam as vitrines e as ruas desse distrito.

Para quem acha que é uma região perigosa e “suja” por ter essas casas de mulheres de programa, é melhor mudar de ideia, já que a Holanda é bem diferente do Brasil. A prostituição por lá é uma coisa normal e bem aceita por todos os moradores, sendo considerada uma profissão a mais.

Noite no Red Light District em Amsterdã

Banner-Gabr

As regiões são bem bonitas e ficam até em bairros residenciais. Por lá você vai encontrar todo o tipo de turista, inclusive pessoas idosas e casais que estão passeando pela região. Para quem estiver interessado em frequentar essas casas de programas o Red Light District, é importante atentar-se a alguns pontos. Lembre-se de sempre respeitar as mulheres, pois as leis na Europa e na Holanda são bem rigorosas e se você desrespeitar alguma delas, poderá ter sérios problemas.

Mulher no Red Light District em Amsterdã

Outra informação importante para quem for visitar o Red Light District é não tirar fotos das mulheres nas vitrines, pois elas estão em trajes impróprios e isso não é permitido. Isso pode causar problemas reais com os seguranças locais que cuidam dessas casas de programa. Não queira arriscar e evite problemas que possam estragar a sua viagem. Vale lembrar que essa também é uma boa região para fazer compras em Amsterdã.

Rua no Red Light District em Amsterdã

Ingressos de atrações e passeios de Amsterdã mais baratos

Uma dica para economizar com os passeios de Amsterdã é comprar os ingressos antes pela internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos. Um site legal que nós sempre utilizamos é esse Site de Ingressos da Europa que vende ingressos para os principais pontos turísticos e passeios de Amsterdã e de toda a Europa. Eles são um dos maiores vendedores de ingressos de passeios e pontos turísticos de todas as cidades do mundo, o site está em português e o bom é que você compra todos os seus ingressos da viagem em um único lugar, ao invés de ficar comprando no site de cada atração.

É muito mais prático, você tem um atendimento excelente para resolver qualquer problema ou dúvida que tiver e os preços são ótimos e muitas vezes mais barato do que no próprio site da atração. Facilitou bastante nossas viagens e ajudou a economizar tempo nas filas e dinheiro. Os passeios de Amsterdã que mais indicamos são a Casa de Anne Frank, o museu Rijksmuseum, o museu Van Gogh, o Museu de Cera Madame Tussauds, o Heineken Experience, o cruzeiro pelos canais de Amsterdã e o passeio para o Jardim de Flores Keukenhof, que são os principais pontos turísticos e estão com um bom preço.

Casa de Anne Frank

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre o Red Light District em Amsterdã uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Dica para usar o celular à vontade em Amsterdã e Europa

Poder usar seu celular em Amsterdã, na Holanda, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS, pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Holanda nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre o Red Light District em Amsterdã para quando estiver lá.

Dica para usar o celular à vontade em Amsterdã

Dicas para aproveitar melhor sua viagem a Amsterdã

Agora que você já viu tudo sobre o Red Light District em Amsterdã uma dica legal e que faz a diferença na viagem a Amsterdã é escolher bem a localização do seu hotel e se hospedar perto das atrações turísticas. Ficando bem localizado você vai aproveitar muito mais e gastar muito menos tempo e dinheiro se deslocando até os lugares. Se quiser, veja nossa matéria de onde ficar em Amsterdã, que lá tem as dicas das melhores regiões para se hospedar e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço excelente (e achar hotéis excelentes em promoção nessas regiões que são super disputadas). Vale a pena caprichar na reserva do hotel em Amsterdã.

Letreiro em Amsterdã

Outra dica importante para economizar dinheiro e tempo é com os passeios. Para conhecer a maioria dos pontos turísticos e museus de Amsterdã é preciso comprar os ingressos de cada lugar. A dica é comprar todos os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos e as atrações garantidas. Se quiser, veja aqui na matéria de ingressos para Amsterdã todas as dicas, os mais vendidos e onde comprar todos os ingressos pelo melhor preço.

Veja outras matérias imperdíveis de Amsterdã:

O que fazer em Amsterdã: Principais atrações, passeios e lugares de Amsterdã.
O que fazer a noite em Amsterdã: Tudo sobre a vida noturna da cidade.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.

Tags:

Um comentário

  1. Boa noite ,,,,,,estive em amsterdã em julho de 2014,,,,fiquei la por 03 dias ,,,,fiz alguns passeios de barco,,,,andei de bicicleta,,,,,fui na fábrica da Heineken,,,,,conheci o museu de cera Madame Toussaud,,,,,,,e claro tomei umas cervejas e relaxei na red light,,,,,,,melhor parte do passeio,,,,,,,rsrs,,,,,,povo hospitaleiro, gentil e educado. Morei na europa por 10 meses,,,,,,,,na cidade de lyon (sul da França) entre 21/11/2013 a 20/08/2014 quando fazia meu estágio doutoral. Voltarei outras vezes nessa cidade com certeza, assim que passar essa pandemia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *