Amsterdã

Todas as dicas de viagem de Amsterdã

Confira as principais dicas para ajudá-lo a organizar a sua viagem a Amsterdã, a capital holandesa. Dicas sobre hospedagem, passagens aéreas, seguro viagem, passeios, compras, pontos turísticos, vida noturna e tudo que você precisa saber para planejar sua viagem a Amsterdã.

Todas as dicas de Amsterdã

E, se você estiver planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas de como economizar muito em sua viagem para Amsterdã. São várias dicas imperdíveis que vão fazer você economizar MUITO (muito mesmo) e montar toda a sua viagem para Amsterdã.

1. Dicas de quando viajar para Amsterdã

Quando decide ir para algum país, o primeiro passo que você deve tomar é definir as datas que quer viajar. Deve levar em consideração os fatores climáticos do país, a sua disponibilidade e os eventos que possam estar acontecendo nessa época. A alta temporada em Amsterdã vai de abril a setembro, que corresponde ao período da primavera e do verão.

Melhor época para viajar para Amsterdã

Se você está pensando em viajar da forma mais econômica, não pode deixar de conferir a nossa matéria sobre como viajar muito barato a Amsterdã.Veja também o que esperar do clima e a temperatura em Amsterdã.

Quando é alta temporada em Amsterdã?

A alta temporada em Amsterdã vai de abril a setembro, que corresponde ao período da primavera e do verão.

Abril a junho: apesar do primeiro mês de primavera ser março, a alta temporada tem início em abril, quando as temperaturas estão mais amenas e os jardins da capital holandesa se enchem de flores. É uma excelente época para conhecer o jardim de tulipas Keukenhof e o Parque Vondelpark em Amsterdã.

Os preços são mais elevados, porém é a época ideal para quem deseja aproveitar ao máximo a viagem na capital holandesa. Para economizar um pouco mais, evite ir nos dias de Páscoa (abril) e Dia do Rei (27 de abril).

Primavera em Amsterdã

Julho a setembro: durante o verão, que se estende do final de junho ao final de setembro, a região também fica lotada de turistas e moradores locais, que aproveitam as temperaturas mais altas para passear.

As ruas, parques, bares e outras atrações ficam lotados, inclusive devido às férias escolares. Além disso, você pode aproveitar os diversos festivais que acontecem pela cidade. Se você viajar nessa época, não deixe de visitar os melhores bares em Amsterdã e tomar sol na praia improvisada na ponte Berlagebrug.

Verão em Amsterdã

Meses de baixa temporada em Amsterdã

A baixa temporada em Amsterdã vai de outubro a março, meses que compreendem o outono e o inverno.

Outubro a dezembro: o outono inicia ao final de setembro e vai até o final de dezembro. Apesar disso, a baixa temporada começa em outubro, quando as temperaturas ainda estão moderadas. A cidade fica encantadora com seus tons alaranjados, proporcionando um clima único.

Já a partir de novembro, o frio se intensifica e os dias se tornam mais curtos, com o sol se pondo em torno das 17h. É uma boa época para conhecer os incríveis museus na cidade e apreciar a bela decoração de Natal em Amsterdã.

Outono em Amsterdã

Janeiro a março: os meses de inverno são os melhores para quem deseja economizar na viagem para Amsterdã, pois são os mais baratos. Essa estação vai do final de dezembro ao final de março e traz um frio bastante intenso, com direito a temperaturas abaixo de zero, neve e dias curtos.

Além dos museus, é o período ideal para visitar os melhores restaurantes em Amsterdã e experimentar comidas típicas.

Inverno em Amsterdã

Confira também outras matérias relacionadas ao assunto, que irão ajudá-lo a planejar toda a sua viagem:

Pôr do sol em Amsterdã

Feriados em Amsterdã

Janeiro

01/01: Ano Novo (Nieuwjaar)

Abril

10/04: Sexta-feira Santa (Goede Vrijdag)
12/04: Páscoa (Eerste Paasdag)
27/04: Dia do Rei (Koningsdag)

Maio

05/05: Dia da Libertação (Bevrijdingsdag)
21/05: Dia da Ascensão (Hemelvaartsdag)
31/05: Domingo de Pentecostes (Pinksterdag)

Junho

01/06: Pentecostes (Pinksterdag)

Dezembro

26/12: Tweede Kerstdag
31/12: Véspera de Ano novo (Oudejaarsavond)

2. Dicas para hospedagem em Amsterdã

Outra dica para uma viagem a Amsterdã é saber como escolher a sua hospedagem. E para isso há dois itens essenciais: local de hospedagem e tipo de hospedagem.

  • Como escolher onde ficar em Amsterdã:

A zona turística desta cidade não é tão grande e as atrações ficam bem concentradas. Dentro dessa localidade, existem também outros bairros bem legais, que vamos comentar nesta matéria. Mas a melhor região para se hospedar é a área central, pois você aproveitará ainda mais o tempo e os pontos turísticos de Amsterdã.

Como essa cidade e os hotéis não são tão grandes, recomendamos que faça sua reserva com antecedência, pois os melhores locais e os mais baratos se esgotam rapidamente nas altas temporadas

Legenda do mapa abaixo:
1 – Jordaan
2 – Grachtengordel
3 – Centro e Luz Vermelha
4 – De Pijp
5 – Museumplein e Vondelpark

Mapa dos bairros em Amsterdã

Se quiser ver melhor onde é essa região e quais os hotéis que ficam por lá, clique aqui que abrirá um mapa que montamos mostrando todos os hotéis dentro dessa região que é excelente. Já colocamos como filtro para só mostrar hotéis com nota 8 para cima, o que vai garantir uma excelente hospedagem. Aí é só colocar a data da viagem para ver os preços e escolher o seu. Ficando dentro dessa linha laranja que mostra no mapa, não tem erro.

Mapa da área central de Amsterdã

Bairro Jordaan em Amsterdã

A região de Jordaan é um excelente lugar para ficar em Amsterdã. Ela fica dentro da zona turística e é repleta de ruas e canais charmosos, além de ter uma quantidade grande de restaurantes, lojas e cafés.

Essa é uma opção bem legal para quem quiser ficar perto dos pontos turísticos, mas não tão no meio da agitação e movimentação noturna da cidade. Além de ser uma área agradável e charmosa, é lá onde está a Casa de Anne Frank, que hoje é um museu e uma das principais atrações desta cidade.

Jordaan em Amsterdã

Bairro Grachtengordel em Amsterdã

Outra ótima região onde ficar em Amsterdã é Grachtengordel. Esse bairro está entre o centro da cidade e Jordaan, mas é muito mais tranquilo. Lá você encontra lindos canais, áreas para andar de bicicleta e algumas atrações interessantes.

Em comparação com o bairro de Jordaan, o Grachtengordel oferece mais opções de transporte e maior proximidade com os principais pontos turísticos de Amsterdã. Porém, em compensação, é uma região mais cara para se hospedar.

Grachtengordel em Amsterdã

Bairro De Pijp em Amsterdã

De Pijp é uma região residencial e menos turística que as anteriores. Ainda assim, é uma boa alternativa para quem deseja se hospedar mais afastado do centro, porém em uma área não tão isolada na cidade.

Esse bairro está localizado ao redor do parque Sarphatipark e conta com supermercados e até mesmo alguns bares animados, inclusive a famosa Heineken Experience, uma atração na qual você conhece o bar da cerveja dessa marca.

De Pijp em Amsterdã

Bairro Leidseplein em Amsterdã

A região de Leidseplein é outra boa escolha de onde ficar em Amsterdã. Localizada na zona turística da cidade, essa já é uma área mais agitada e badalada. É o local que mais tem coisas para se fazer durante a noite, como bares, baladas e os famosos coffee shops, que são conhecidos na Holanda por venderem maconha legalmente.

E é nessa região que fica o Vondelpark, o parque mais famoso de Amsterdã, além da Praça dos Museus, que é um dos lugares turísticos mais requisitados desse local. Para quem pretende curtir muito a noite na cidade, é uma ótima escolha se hospedar por essa região.

Leidseplein em Amsterdã

Região da Praça dos Museus em Amsterdã

Em Leidseplein, há uma praça chamada Museumplein (Praça dos Museus). É nela que estão os museus mais famosos de Amsterdã e da Holanda, que são o Museu Rijksmuseum, o Museu Van Gogh e o Museu Stedelijk. Essa região é bem interessante, tranquila e tem diversas opções de hotéis e hostels com ótimos preços.

É uma boa opção de onde ficar em Amsterdã, ainda mais para quem pretende visitar os museus da cidade. Vale destacar que é nessa praça que está o famoso letreiro escrito “I amsterdam”, no qual você provavelmente vai querer tirar uma foto.

Região da Museumplein em Amsterdã

Outras regiões de Amsterdã

Perto da zona turística, tem outras opções legais também para se hospedar em Amsterdã, como a região em volta do parque Vondelpark, que é bem tranquila, arborizada e conta com bastante opção de hotel. Só evite ficar longe da zona turística e sua viagem será incrível. O melhor lugar onde ficar hospedado em Amsterdã é o mais perto possível do centro.

Cidade de Amsterdã

  • Escolher o tipo de hospedagem em Amsterdã:

Uma ótima dica para achar ótimos hotéis com preços incríveis, na região que você quer e economizar muito na hospedagem é usar esse Pesquisador de Hotéis em Amsterdã. Nós sempre usamos, pois é o maior site de reservas de hotéis do mundo e por isso é o melhor lugar para reservar com confiança e segurança.

Sem falar que ele tem todos os hotéis de Amsterdã, da Holanda, da Europa e do mundo nas suas pesquisas e preços imbatíveis pela forte negociação que fazem com os hotéis. Sempre fazemos nossas reservas por lá para não ter problemas e sempre economizamos muito, principalmente na região do Centro de Amsterdã, que são os melhores lugares para ficar e tem ótimas opções boas e baratas nesse site.

Mapa da área central de Amsterdã

Dica do cancelamento grátis: uma outra dica muito boa é que esse buscador tem uma parceria fortíssima com os estabelecimentos e eles oferecem cancelamento grátis com quase todos os hotéis. Isso é ótimo, pois o fator que mais vai fazer você economizar na hospedagem é a antecedência. Essa é a dica mais importante.

Quanto antes você fizer a reserva, pode ter certeza que mais barato irá pagar. Então você pode já reservar o seu hotel, para garantir o menor preço, e se depois achar um melhor ou não quiser ficar nele, é só cancelar.

3. Dicas para fazer um seguro de viagem para Amsterdã

O Seguro Viagem Internacional é obrigatório para entrar em Amsterdã, Roterdã, Holanda ou qualquer lugar da Europa. Apesar de ser obrigatório, dá para economizar muito fazendo o seu seguro. Vamos mostrar aqui onde fazer o seu pelo menor preço. Só preste atenção em um item: para entrar na Europa, você é obrigado a ter um Seguro Viagem com cobertura mínima de 30 mil euros em assistência médica. Então escolha o seu seguro levando essa regra em consideração.

Seguro de viagem para Amsterdã

Nós sempre usamos esse comparador de seguro viagem que é incrível e pesquisa todos os seguros viagens em todas as principais empresas da Europa e você ainda pode parcelar no cartão em até 12 vezes. Em menos de um minuto você tem o orçamento de todos os seguros viagens na sua frente e já pode contratar o seu na hora. Não dá para deixar de fazer um, mas dá para economizar bem e conseguir um bom preço.

  • Nossas indicações são: Affinity, My Travel Assist, Travel Ace, Vital Card, Assist Med, Assist Card, SulAmérica, Green Card e GTA, sendo que todas elas são ótimas e confiáveis.

Seguro Viagem na Europa

4. Dicas para se locomover em Amsterdã

  • De carro:

Os brasileiros estão cada vez mais alugando um carro na sua viagem para a Europa, pela facilidade e praticidade que as empresas oferecem. Vamos mostrar aqui dois comparadores de preços de aluguel de carro que são incríveis e uma excelente ferramenta para alugar um bom automóvel, em uma ótima empresa e pelo menor preço.

Aluguel de carro em Amsterdã

Reserve seu carro com antecedência

Faça a sua reserva online o quanto antes, pois outra dica para economizar e conseguir um carro barato é reservar com a maior antecedência possível e pela internet. Quanto antes você reservar, mais barato vai pagar. Vale muito a pena e você economiza bem com promoções, pagando muito mais barato em comparação a alugar lá na hora.

Não alugue um GPS na Holanda

Outra dica legal para economizar ainda mais é não alugar o GPS e, em vez disso, usar o GPS do seu celular (você pode ver as nossas dicas de uso de celular em Amsterdã que vamos dar aqui nessa matéria ainda. Vale a pena, pois você economizará bons euros do aluguel do GPS e ganhará um chip para usar o celular à vontade na Europa).

Economizando muito no aluguel de carro em Amsterdã

Use os incríveis comparadores de preços

Comparador de aluguel de carros 1: Maior comparador do Brasil e você pode parcelar em até 12 vezes sem juros e não paga o IOF de 6%, pois o pagamento é feito em reais.

Comparador de preços de aluguel de carros 2: Maior comparador do mundo, tem mais empresas em sua busca, mas o pagamento não pode ser parcelado, pois é feito em dólar. Mas como ele acha preços mais baixos que o outro muitas vezes, vale a pena conferir também.

Carro em Amsterdã

Mais dicas: Prefira as locadoras maiores e de confiança, como a Alamo, Europcar, Hertz, Dollar, Budget e Avis. Faça o seguro básico na hora da reserva, que é super importante e geralmente já está incluso no preço, mas não caia na pegadinha das empresas, que na hora da retirada do carro, ficam tentando empurrar um seguro extra, que não vale a pena.

Com todas essas dicas e os comparadores, você consegue economizar até 200 euros no aluguel. E você só precisa da carteira de motorista brasileira para poder dirigir lá.

  • De bicicleta em Amsterdã:

A cidade de Amsterdã é conhecida mundialmente pela alta quantidade de bicicletas. Por lá, os moradores e turistas tem muito costume de utilizar a bike como meio de transporte, sendo assim uma excelente opção para se deslocar ao longo da sua viagem.

Na cidade, há ciclovias por toda parte, com distâncias bem curtas, o que faz com que a bicicleta se torne o principal meio de transporte dos holandeses em Amsterdã.

Ciclovia em Amsterdã

Apesar de não haver nenhum serviço público para o aluguel das bicicletas, você encontrará diversas lojas espalhadas pela cidade para poder retirar a sua. Lojas como MacBike ou StarBikes são bem recomendadas.

Os preços variam, mas quanto mais tempo você for ficar com a bicicleta menos você paga por hora. É importante que se saiba que na hora do aluguel será necessário apresentar seu passaporte e deixar uma garantia em dinheiro, que será devolvida depois se a bicicleta voltar em perfeito estado.

Conhecendo Amsterdã de bicicleta

  • Andar a pé em Amsterdã e na Holanda

Andar a pé é uma das formas mais legais de se conhecer Amsterdã. Em bairros como o Jordaan, por exemplo, é super agradável e recomendado andar pelas ruas conhecendo as lojas, cafés, bares, livrarias e outros estabelecimentos que se encontram por lá.

No Distrito da Luz Vermelha, também vale a pena fazer um despretensioso e agradável tour a pé. Tome cuidado para nunca andar nas ciclovias em Amsterdã, que são direcionadas apenas para as bicicletas.

Andar em Amsterdã

O centro turístico de Amsterdã não é grande e ficando bem localizado, dá para conhecer tranquilamente quase todas as regiões, caminhando e vendo a beleza da cidade. Aproveite esta oportunidade e divirta-se.

  • De transporte público:

A primeira coisa a se saber é que o metrô ainda não atinge todas as partes da cidade e o trem serve mais para viagens fora dela, ou para se deslocar do Aeroporto de Amsterdã para o centro. São 4 linhas de metrô na cidade, a 50,51,53 e 53. Se você quiser conhecer os principais pontos turísticos, por exemplo, o metrô não é uma boa opção.

Ferrovia em Amsterdã

A estação de trem mais famosa da cidade é a Centraal, que fica no centro, e você provavelmente só irá usá-la para chegar e sair de Amsterdã. Como tudo é bem perto na cidade, as pessoas costumam ir a pé, de bicicleta ou tram (bondinho), indo raramente de metrô ou trem.

  • De tram, o bondinho de Amsterdã

Os trams são bem populares em Amsterdã. Apesar do nome, eles corresponderem a bondinhos que andam nas ruas da cidade. Entre os turistas, eles são uma opção de transporte bastante escolhida, já que passam por diversos pontos turísticos da região.

Eles funcionam como ônibus, vão e voltam pelas mesmas ruas e param em pontos que são anunciados ou escritos em monitores dentro dos trams. Os bilhetes valem por horas, ou seja, você compra um ticket com uma quantidade de horas em que pode utilizá-lo.

Tram em Amsterdã

Se você comprar o bilhete de 24 horas e pegar um tram às 9 horas da manhã, ele irá valer até esse mesmo horário do dia seguinte.

Ao subir no veículo, você valida seu ticket em um leitor e ao sair também, sendo essencial passar nas duas vezes senão você pode até pagar multa. Há passes de apenas uma hora e de até 7 dias. Compre de acordo com o número de dias que você vai passar na cidade, pois vale a pena e com certeza você irá usar trams todos os dias.

Transporte em Amsterdã

  • Passeio em ônibus turístico em Amsterdã:

Se você tem poucas horas na cidade em Amsterdã e quer conhecer os principais pontos turísticos de Amsterdã, pode valer a pena comprar o passeio de ônibus turístico. Você pode optar pelo passeio que inclui apenas o city tour, ou seja, que você fica o tempo todo dentro do ônibus conhecendo os lugares mais famosos da cidade.

Ônibus City Sightseeing em Amsterdã

Você também pode comprar o famoso ônibus Hop-on Hop-off, que é o mais usado pelos turistas. Ele é igual ao outro, com a diferença que possui várias paradas em pontos de interesse na cidade. O legal também deste último é que você pode embarcar e desembarcar quantas vezes quiser, em qualquer um dos pontos.

Passeio pelos famosos museus de Amsterdã

  • Viagens de trem em Amstetrdã

Uma dica para conseguir achar as melhores passagens e pelos menores preços é utilizar esse Pesquisador de trens da Europa. É o maior site de passagens de trem do mundo e faz uma pesquisa em todas as melhores empresas de trem da Holanda e da Europa, encontrando as melhores opções para você.

Nós sempre fazemos nossas reservas por lá, pois eles têm sempre os melhores preços, o sistema de busca é muito bom, super fácil de reservar e é o site mais confiável do mundo para reservas de trem.

Interior do trem europeu

É a melhor forma de comprar as passagens de trem da sua viagem pela Europa. Se quiser, veja ainda o texto completo sobre as viagens de trem em Amsterdã, com tudo o que você precisa saber, dicas importantes, principais destinos e trajetos feitos pelos turistas.

  • Transfer desde e para o aeroporto:

Uma dica importante para quem não for alugar um carro na Holanda, é reservar um transfer para ir do aeroporto até o hotel (e/ou vice-versa). As vantagens são várias: hora marcada com o motorista, segurança na hora de ter um transporte privado, conforto para quem viaja com muitas bagagens, entre outras. Para garantir uma chegada tranquila e sem estresse no hotel, sempre reservamos um transfer.

Família com bagagem no aeroporto

Tem um site muito bom, que é esse Pesquisador de Transfers, que é o maior do mundo. Ele oferece três opções de transfer: só ida do aeroporto ao hotel, só ida do hotel ao aeroporto ou os dois (ida e volta). É só colocar o aeroporto que vai chegar, o destino e escolher a melhor opção e o tipo de carro.

Eles já dão o preço, o tempo do trajeto e todas as informações. Nós achamos bem mais barato do que pegar um táxi no aeroporto e foi tudo sempre muito rápido e fácil. Vale muito a pena se não for optar pelo aluguel de carro.

  • Pesquisador de trajetos para achar a forma mais barata de se locomover:

Uma dica muito legal para você ver todas as opções de transporte de uma cidade a outra, e poder escolher e mais barata, é usar esse pesquisador de trajetos. É um site sensacional que mostra todas as opções de transporte entre uma cidade e outra.

Ele pesquisa todas as opções de avião, trem e ônibus, e você pode comprar a que for melhor e mais barata para sua viagem. Os preços são mais baratos do que em qualquer outro lugar, e o site é líder nesse serviço na Europa, mostrando apenas empresas que são de confiança e consolidadas por lá.

Pesquisador de trajetos na Holanda

5. Dicas para conhecer bem Amsterdã

Procure ver tudo sobre a cidade de Amsterdã, é importante que você esteja atento ao que está acontecendo por lá, para que o seu tempo renda de forma a aproveitar cada segundo da sua viagem sem stress. Aproveite para conhecer os melhores pontos turísticos e se divertir em Amsterdã. Veja as nossas matérias de onde ficar em Amsterdã e o que fazer em Amsterdã.

Casas e canal em Amsterdã

Outra dica é pensar quantos dias quer ficar na cidade e conferir as matérias sobre roteiros diários que preparamos para que tenha uma viagem toda planificada e com boas dicas. Veja alguns:

O que fazer em Amsterdã:

1) Fazer um passeio de barco pelos canais de Amsterdã

A primeira dica de o que fazer em Amsterdã é um delicioso e tradicional passeio de barco. A capital holandesa é conhecida pelos seus charmosos canais e com um passeio desses, você irá adquirir uma experiência super legal e romântica, para aqueles que estiverem em uma viagem de casal, é claro.

O bacana é que através desse tour, é possível conhecer um pouco da cidade logo de cara, pois passa por várias regiões importantes e muito requisitadas por lá. Portanto, não deixe de adquirir o seu ingresso e aproveite ao máximo o passeio de barco por Amsterdã. Os ingressos são a partir de 13€ por pessoa.

Passeio de barco em Amsterdã

2) Visitar o Parque Vondelpark em Amsterdã

O Vondelpark em Amsterdã é um dos parques mais conhecidos da Holanda. A atração tem um grande lago no meio e é onde os moradores de Amsterdã costumam ir para descansar, caminhar e deitar na grama para tomar um pouco o sol. Esse parque é ótimo para quem gosta de praticar exercícios, caminhar, correr e andar de bicicleta.

Por lá, você vai encontrar muita área verde e uma paisagem incrível para fazer diversas fotos de recordação. O bacana é que nesse local, tem muita coisa incrível para você aproveitar, o que faz com que valha muito a pena colocá-lo na lista de o que fazer em Amsterdã.

Parque Vondelpark em Amsterdã

3) Passear pela Praça dos Museus em Amsterdã

Um lugar que você não pode deixar de conhecer é a Museumplein em Amsterdã, a Praça dos Museus. É lá onde estão os museus mais famosos de Amsterdã e da Holanda, que são o Museu Rijksmuseum, o Museu Van Gogh e o Museu Stedelijk.

Se você tiver que priorizar algum deles, não deixe de ir ao Museu Van Gogh, que é o que reserva o maior acervo de obras do artista no mundo. Ele é enorme e oferece muitas áreas atrativas para os visitantes.

Museumplein em Amsterdã

O Rijksmuseum também é incrível, pois é o museu da história artística da Holanda, da qual os holandeses têm o maior orgulho. Assim como o anterior, esse museu também é bastante extenso e você vai precisar de, no mínimo, três horas para pelo menos percorrer o lugar sem fazer muitas paradas.

Já o Museu Stedelijk tem como foco a arte moderna, com exposições inovadoras e interessantes. Por lá, você encontra um acervo fixo e também coleções temporárias imperdíveis. Os ingressos são a partir de 10€ por pessoa, sendo que cada museu possui seus preços e horários.

Museu Stedelijk em Amsterdã

4) Visitar o Letreiro I Amsterdam em Amsterdã

Um dos pontos turísticos em Amsterdã mais famosos é o letreiro I Amsterdam. Ele possui quase 24 metros de comprimento e é o cenário ideal para uma fotografia de recordação, tornando-se uma parada obrigatória para quem visita a capital holandesa.

Há alguns anos, esse letreiro – que ficava na Museumplein – mudou de localização. Hoje, é possível encontrá-lo no Aeroporto Schiphol e também no Sloterpark. Além desses, há um letreiro itinerante que muda de lugar de acordo com o evento ou época do ano.

Letreiro I Amsterdam no Aeroporto Schiphol em Amsterdã

5) Explorar o Canal Singel e o Mercado de Flores de Amsterdã

Essa é uma outra dica legal do que fazer em Amsterdã. O Canal Singel em Amsterdã é muito conhecido por seu mercado de flores flutuante, com uma diferente e charmosa paisagem. Assim como em Veneza, algumas cidades da Holanda, como Amsterdam, têm canais que passam rios e foram construídos prédios ao seu redor.

O Canal de Singel ficou famoso por ser muito bonito e ter um mercado que fica em barcas na água. Por isso, a atração é conhecida como Mercado Flutuante de Flores e, hoje, tornou-se o principal centro de vendas de flores de toda a Holanda.

Mercado de Flores no Canal Singel de Amsterdã

6) Conhecer a Casa de Anne Frank em Amsterdã

A Casa de Anne Frank em Amsterdã é um dos pontos turísticos mais interessantes da Holanda e que carrega uma forte história política por trás. Esse lugar é a casa onde Anne Frank viveu sua incrível história e ficou famosa pelo Diário de Anne Frank, que é preservado até hoje.

Atualmente, o local virou um memorial para as pessoas conhecerem e poderem ver como era o espaço que a menina tanto citou em seu diário. Ela era de uma família judia, os quais foram perseguidos durante o Nazismo na Holanda e somente ela sobreviveu.

Quarto da Casa de Anne Frank em Amsterdã

7) Caminhar na Praça Dam em Amsterdã

A próxima dica de o que fazer em Amsterdã é visitar a magnífica Praça Dam, localizada bem no centro histórico da cidade. Ela recebe esse nome por seu enorme obelisco de mármore de 22 metros de altura, chamado Dam, feito em homenagem aos soldados mortos durante a Segunda Guerra Mundial.

Essa praça histórica é um local bem legal de se visitar, pois tem vários restaurantes em volta e outras atrações, como o Centro de Diamantes de Amsterdã, o Koninklijk Paleis (Palácio Real) e o Museu de cera Madame Tussauds em Amsterdã.

Praça Dam em Amsterdã

8) Visitar o Jardim zoológico Natura Artis Magistra em Amsterdã

O incrível Natura Artis Magistra Zoo está situado bem no coração da cidade de Amsterdã. Considerado um jardim zoológico muito antigo da cidade e do país, ele tem como característica abrigar cerca de 27 edifícios monumentais que servem como habitat para os animais que lá se encontram.

Além disso, no local, é possível se deparar com um aquário, planetário e até coleções artísticas em exposição. Para aqueles que adoram o contato com a natureza, fauna e flora, e quiserem curtir um passeio bem divertido em Amsterdã, então o Natura Artis Magistra certamente será uma ótima alternativa por lá.

Natura Artis Magistra Zoo em Amsterdã

9) Explorar o Bairro Jordaan em Amsterdã

Outra dica de o que fazer em Amsterdã é passear pelo bairro Jordaan, um lugar interessante para a sua programação de atrativos na cidade. Muito famoso entre os moradores e turistas, ele conta com uma série de espaços incríveis para você curtir ao máximo cada minuto da sua viagem.

Lá, você encontra lazer e entretenimento em meio a um local calmo e relaxante, como restaurantes que oferecem o melhor da culinária holandesa e estabelecimentos com produtos diversos. Além desses centros gastronômicos serem excelentes, eles cumprem com muito rigor o aspecto de qualidade de seus produtos e de seus pratos. Aproveite!

Bairro Jordaan em Amsterdã

10) Visitar o A’dam Lookout em Amsterdã

O A’dam Lookout é uma experiência interativa sensacional e uma ótima opção de o que fazer em Amsterdã. Ele está localizado no 20º andar da A’dam Tower, cujo nome significa Amsterdam Dance and Music, então você pode esperar muita diversão por lá.

O edifício possui cerca de 100 metros de altura e 22 andares, com um terraço que oferece a melhor vista da região. O passeio já começa no elevador, que é moderno e percorre todos os andares em apenas 22 segundos.

A'dam Lookout em Amsterdã

Esse elevador conta com uma barra de ferro para você se sentar e enquanto um fotógrafo faz sua foto com um belo cenário de Amsterdã ao fundo. À noite, o edifício fica mais bonito ainda, com muitos efeitos luminosos.

Ao desembarcar no A’dam Lookout, você encontra paredes de vidro com vistas panorâmicas. Lá também estão ótimos restaurantes, bares e, para os mais corajosos, o balanço mais alto da Europa. É um ótimo passeio para você aproveitar a sua noite na cidade.

Observatório no A'dam Lookout em Amsterdã

11) Aproveitar a noite em Amsterdã

Coisas para fazer em Amsterdã são o que não falta. A região de Leidseplein é uma boa escolha por ser mais agitada e badalada. Lá é o lugar que mais tem coisas para fazer à noite, como bares, baladas e os famosos coffee shops, que são conhecidos na Holanda por vender legalmente a maconha.

A localidade tem ruas bem legais, com alguns dos melhores bares de Amsterdã e restaurantes por todos os lados. É ideal para aproveitar ao máximo a vida noturna da cidade.

Leidseplein em Amsterdã

12) Fazer um tour pela Heineken Experience em Amsterdã

A Heineken Experience Amsterdã é um passeio incrível para quem gosta de uma boa cerveja. Essa é uma antiga fábrica da Heineken, que foi transformada em um local para as pessoas conhecerem a história da marca e saber como é o processo de fabricação.

Por lá, existem diversas atrações tecnológicas e interativas relacionadas à marca e a produção das cervejas. Depois do passeio, há um bar especial da Heineken para degustar as suas bebidas. É um passeio diferente e imperdível para fazer em Amsterdã, destinado a maiores de 18 anos.

Antiga fábrica de cerveja da Heineken em Amsterdã

Existem diversas regiões que são chamadas de distritos, onde várias casas dessas ficam concentradas no mesmo local, formando uma rua inteira de mulheres de programa expostas na vitrine.

O principal lugar é a região De Wallen, no centro de Amsterdã, conhecido como bairro da luz vermelha. Não tente tirar fotos das vitrines, pois além de considerarem desrespeitoso, é proibido e pode causar problemas.

Rua no Red Light District em Amsterdã

6. Dicas dos ingressos para os pontos turísticos de Amsterdã

Uma dica para economizar com a compra dos passeios e ingressos de Amsterdã é comprar os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos. Um site legal que nós sempre utilizamos é esse Site de Ingressos da Europa que vende ingressos para os principais pontos turísticos e passeios de Amsterdã e de toda a Europa.

Eles são um dos maiores vendedores de ingressos de passeios e pontos turísticos de todas as cidades do mundo, o site está em português e o bom é que você compra todos os seus ingressos da viagem em um único lugar, ao invés de ficar comprando no site de cada atração.

Casa de Anne Frank em Amsterdã

É muito mais prático, você tem um atendimento excelente para resolver qualquer problema ou dúvida que tiver e os preços são ótimos e muitas vezes mais barato do que no próprio site da atração. Facilitou bastante nossas viagens e ajudou a economizar um bom tempo comprando, nas filas e a economizar dinheiro. Prepare-se, pois as opções de passeios são enormes e dá vontade de fazer todos. Depois de comprar, você recebe por e-mail o voucher e todas as informações, tudo bem detalhado.

  • Os passeios de Amsterdã que mais indicamos são a Casa de Anne Frank, o museu Rijksmuseum, o museu Van Gogh, o Museu de Cera Madame Tussauds, o Heineken Experience, o cruzeiro pelos canais de Amsterdã e o passeio para o Jardim de Flores Keukenhof, que são os principais pontos turísticos, mas tem vários outros passeios e atrações legais para cada tipo de gosto.

7. Dicas para saber o que fazer à noite em Amsterdã

Uma das coisas mais importantes a se levar em consideração é o período e a estação que você estará viajando. No verão e na primavera, por exemplo, as pessoas tendem a andar mais nas ruas, passearem pelo Distrito da Luz Vermelha e fazerem outros programas noturnos ao ar livre. Já no outono, há um Festival de Cervejas Bock, que ocorre sempre nessa época.

Confira as nossas matérias sobre cada tipo de passeio para fazer à noite:

Bairro De Pijp em Amsterdã

Esse bairro abriga a Heineken Experience em Amsterdã, mas também possui diversos barzinhos por ali. É uma das áreas mais agitadas da cidade e onde estão diversos cafés e restaurantes. Você pode escolher um dos bares com varanda, se viajar no calor, ou um dos cafés com música ao vivo, também bastante confortáveis.

Heineken Experience em Amsterdã

Em De Pijp, também há alguns pubs, e um dos passeios mais legais é perambular de bar em bar, para conhecer um pouco de cada. A Marie Heinekenplein é uma região do bairro com estabelecimentos mais elegantes. Já a Gerard Douplein é uma pracinha rodeada de bares bastante agitados e badalados, com um público mais jovem. Todo o bairro é ideal de ser desbravado a pé.

Bairro De Pijp em Amsterdã

Red Light District em Amsterdã

Quando se fala em vida noturna na Holanda, é difícil não mencionar o Red Light District em Amsterdã. Lá é a área mais agitada da cidade, principalmente à noite. Apesar das vitrines de mulheres e de alguns coffeeshops, que vendem produtos com maconha, é muito fácil e comum encontrar todos os tipos de público por lá, desde jovens, famílias, casais e grupos de amigos. A região é realmente muito turística e atrai pessoas de todo o mundo.

Red Light District em Amsterdã

Há muitas opções de casas noturnas e cafés, e é bem interessante entrar em pelo menos um deles para conhecer, principalmente os coffee shops, que são mais sossegados. Um lembrete muito importante é que é expressamente proibido tirar fotos das mulheres nas vitrines, então não o faça. Mesmo que você veja pessoas com os celulares discretamente, é melhor evitar, porque se você for pego pode arrumar problemas.

Rua no Red Light District em Amsterdã

Praça Leidse e Leidseplein em Amsterdã

O bairro de Leidseplein, principalmente a Praça Leidse, é uma região bem movimentada à noite em Amsterdã. A praça é uma das mais famosas da cidade e em volta dela, há bares, restaurantes, casas noturnas, coffeeshops e muitos outros estabelecimentos. No verão, há diversos artistas de rua que ficam cantando e tocando por lá, e muitos bares colocam suas mesas para fora.

Praça Leidse em Amsterdã

A praça e as ruas em volta dela ficam super cheias, porque essa região é bastante turística durante a noite. Há três linhas de trams, os famosos bondinhos elétricos, que passam pela região, que são: 1, 2 e 5. Em Leidseplein, estão algumas das melhores baladas em Amsterdã, que são bem animadas e parecidas com as de regiões como Ibiza, que tocam músicas eletrônicas e pop.

Leidseplein em Amsterdã

Restaurantes em Amsterdã

Os restaurantes em Amsterdã são essenciais para se conhecer, pois a maioria deles além de muito confortáveis, são de bastante qualidade. A capital da Holanda tem uma culinária bem diversificada, com restaurantes de comida holandesa típica mas também alguns com especialidade em comida asiática, argentina, francesa ou grandes redes de fast-food.

Por lá, existem locais que só servem frutos do mar, outros que são famosos pelos seus deliciosos cafés e, ainda, os bares que servem o melhor dos aperitivos.

Restaurantes em Amsterdã

Bares em Amsterdã

Em Amsterdã você encontra estabelecimentos para todos os gostos e estilos, localizados nas regiões mais badaladas da cidade. Confira a matéria sobre melhores bares em Amsterdã para ficar por dentro das melhores opções na cidade.

Bares em Amsterdã

8. Dicas sobre compras e descontos em Amsterdã

  • Compras em Amsterdã

Outra dica é sobre as compras em Amsterdã. Amsterdã não é famosa por possuir grandes shoppings ou outlets fechados repletos de lojas, mas, sim, extensas ruas comerciais. Elas vendem de tudo, agradando aos mais diferentes gostos.

Principais ruas de compras em Amsterdã:

  • Rua Kalverstraat em Amsterdã

Essa é a rua de compras mais famosa da cidade. Ela está localizada no centro e é fechada para carros ou outros veículos, abrigando apenas pedestres, o que facilita muito na hora das compras. Lá você irá encontrar lojas de roupas, livros, eletrônicos, grandes lojas de departamento, cafés, restaurantes, um museu e até uma igreja.

O local costuma ser bem movimentado, porque é muito conhecido e uma parada frequente para os turistas e moradores da região. Aproveite!

Rua Kalverstraat em Amsterdã

  • Rua PC Hooftstraat em Amsterdã

Localizada perto da Praça dos Museus, a PC Hoofstraat é uma rua cheia de lojas de grife em Amsterdã. Ela é famosa por seu glamour e pela quantidade de celebridades que fazem compras em lojas como Gucci, Channel e Cartier, por exemplo.

Mesmo para aqueles que precisarem economizar, vale a pena dar uma passada no local para conhecer, pois além de ser próximo às áreas turísticas da cidade, a rua é bem charmosa e bonita.

Rua PC Hooftstraat em Amsterdã

  • Rua Haarlemmerstraat em Amsterdã

Essa é a rua ideal para os amantes de gastronomia. Cheia de cafés, lojas de comidas típicas e restaurantes, os produtos por lá são uma verdadeira perdição. Nessa área, há também sebos e algumas lojas de roupas, portanto aproveite para fazer algumas comprinhas na sua viagem também.

Separe um bom tempo para andar pela rua, conhecendo os locais com calma. E se puder, pare para fazer alguma refeição por lá, porque todos os estabelecimentos são muito agradáveis e de qualidade.

Rua Haarlemmerstraat em Amsterdã

  • Ruas 9 Straatjes em Amsterdã

As nove ruas em Amsterdã são muito famosas e consideradas lugares bem legais e diferentes na cidade. Localizadas no bairro Jordaan, é uma das áreas mais charmosas da cidade, portanto um passeio obrigatório para quem estiver visitando a Holanda. Por lá, existem várias lojas de antiguidades, boutiques, brechós, cafés aconchegantes, lojas de artes e muitas outras.

Também dá para visitar lojas de marcas famosas, como H&M. Para quem curte arte, música e quer fazer um passeio típico dos holandeses, visitar essa região da cidade com certeza é uma ótima opção.

Loja H&M nas ruas 9 Straatjes em Amsterdã

Loja de departamento De Bijenkorf em Amsterdã

Essa loja de departamento em Amsterdã se assemelha a Harrods, de Londres. Ela é bem luxuosa, como um grande shopping que vende roupas para homens, mulheres, crianças, sendo a maioria revendida de grandes marcas. Por lá, você também encontra uma seção de cosméticos, artigos para casa, livros, além de um café especial. Vale a pena conhecer.

Loja De Bijenkorf em Amsterdã

Horários de compras em Amsterdã

As lojas em Amsterdã não funcionam nos mesmos horários da maior parte dos shoppings centers do Brasil. É bem importante estar consciente desse detalhe para não perder tempo e poder organizar melhor seu dia de compras, não correndo o risco de encontrar estabelecimentos fechados.

Nos dias de semana, por exemplo, com exceção de quinta-feira e domingo, as lojas costumam funcionar entre 9h e 18h.

Compras em Amsterdã

A quinta-feira é chamada de Koopavond, a noite de compras, quando as lojas só fecham às 21h. Este, certamente, é um dos melhores dias para fazer compras. Aos domingos, o horário é ainda mais restrito, indo das 9h às 17h geralmente

  • Saiba aproveitar o desconto do Tax Free!

Quase todos os países da Europa possuem o Tax Free! É um sistema que faz com que todos os turistas tenham direito a receber de volta uma boa parte dos impostos pagos nas compras. Esse imposto se chama IVA, e seu valor varia em cada país da Europa. Na Holanda, esse imposto varia em torno de 25% do valor da sua compra! É muito!

Limite e quantidade de produtos para trazer para o Brasil

A maioria das grandes lojas possuem o Tax Free. Então sempre verifique se há uma plaquinha avisando que o tem, ou pergunte. Existe também um valor mínimo de compras dentro de um estabelecimento para poder ter direito ao Tax Free, que varia de país para país, mas em Amsterdã ele é de 61,50 euros.

Então sempre que você fizer uma compra de valor maior do que isso, o atendente vai perguntar se você quer o Tax Free. Ele vai pedir seu passaporte, preencher um formulário e te entregar um envelope com a nota fiscal e esse formulário. É só você juntar todos os envelopes durante sua viagem e no aeroporto você vai no guichê e pega todo o valor de volta, em dinheiro!

Preparando a mala de viagem para Amsterdã

Se você for visitar mais países na Europa, você junta todos e só pode fazer isso no último aeroporto, antes de retornar ao Brasil. É super fácil e você vai conseguir uma boa grande de volta.

  • O que posso trazer de Amsterdã para o Brasil? Há limite para a quantidade?

Outra questão importante de ressaltar quando prepara uma viagem a Amsterdã é saber a quantidade de produtos que poderá levar para o Brasil, sejam itens eletrônicos, lembrancinhas ou outro tipo de produtos. Para isso, temos uma matéria completa que fala sobre a quota de dinheiro que você pode levar em produtos sem ser necessário declarar imposto na aduana. Leia aqui a matéria sobre limite e quantidade de produtos para trazer para o Brasil.

Seleção de itens para levar para Amsterdã

9. Dicas para saber o que levar na mala para Amsterdã

Outra dica importante é estar a par da época em que você vai, pois o clima pode influenciar e, consequentemente, o que levar na mala e peso limite. A regra vale para todas as companhias aéreas e voos internacionais: o peso das malas e quantas bagagens levar para Amsterdã e Holanda.

Partindo do Brasil, você pode levar (gratuitamente) duas malas. Cada uma deve ter o peso máximo de 32 kg e respeitar o tamanho total de 158 cm (ou seja, somar o comprimento, altura e largura). Além dessas duas bagagens que vão despachadas, você pode também levar uma bagagem de mão de até 10kg.

Esteira de bagagens no aeroporto em Amsterdã

Uma vez que a viagem continental já foi feita, o peso muda caso você queira viajar entre os países europeus. Indicamos que sempre confira com a companhia aérea e tipo de passagem (se é econômica, business ou outras), pois as regalias variam. No entanto, a tarifa normal para bagagens despachadas costuma ser: máximo 1 peça de 23kg por pessoa.

10. Dicas sobre como levar dinheiro para Amsterdã

  • Dicas para comprar euros e usá-los na viagem:

Você pode ir a uma casa de câmbio comprar seus Euros em espécie, comprar um cartão pré-pago ou até mesmo utilizar seu cartão de crédito no exterior. Essas sempre foram as formas tradicionais, mas recentemente, surgiu uma nova forma de levar dinheiro ao exterior que é disparada a melhor opção de todas e faz você economizar MUITO.

Essa nova opção, que surgiu nos últimos anos, é abrir uma conta digital global em dólar, e utilizar o cartão dessa conta para fazer todos seus pagamentos e saques no exterior, em qualquer moeda. Na hora de comprar os euros e fazer pagamentos por lá, acaba saindo MUITO mais barato.

Você compra dólar na cotação comercial, a mais barata de todas. Os bancos e casas de câmbio utilizam a cotação turismo, que é bem mais cara. E além disso, ao invés de pagar 6,7% de IOF na hora de usar o cartão no exterior, você paga somente 1,1% e paga muito menos taxa! É uma economia gigantesca. Fora a facilidade, pois é tudo online. E a conta será em dólar, mas você pode utilizar em qualquer país, que ele faz a conversão automaticamente. É aceito em toda a Europa, pois a bandeira é Mastercard.

Como enviar dólares para os EUA do Brasil

Como abrir essa conta global, do Brasil?

Hoje em dia, existe um banco digital global brasileiro, que permite que você crie uma conta nos EUA em menos de 5 minutos. Com isso você consegue colocar dólares nela, transferindo de sua conta do Brasil, e utilizar seu dinheiro em qualquer país do mundo. E o único documento exigido é seu RG ou CNH. Vamos explicar abaixo todas as vantagens, que realmente estão sendo muitas.

Como abrir conta nos EUA do Brasil

Se já quiser baixar, você clica aqui, baixa o app deles no seu celular e cria sua conta rapidamente. E como muita gente está abrindo a conta com eles por causa de nossos blogs e por ser realmente uma opção bem mais vantajosa, conseguimos um cupom para nossos leitores! Quem abrir a conta com o código de convidado GRUPODICAS20 ganhará até 20 dólares ao fazer a sua 1ª remessa de câmbio em até 15 dias após o uso do cupom.

Tendo a conta aberta, você consegue enviar dinheiro da sua conta do Brasil (em reais) para essa (em dólar) facilmente pelo app, e ver quanto está o câmbio atual. Você terá sua conta em dólar e pode utilizar para fazer em compras em estabelecimentos do mundo todo, não importa qual seja a moeda e o país. Você vai pagar lá no estabelecimento na moeda que eles te cobrarem e na sua conta o valor já virá descontado automaticamente em dólar. E sempre muito mais barato.

OUTRAS VANTAGENS:

Você pode ir acumulando seus dólares aos poucos conforme a cotação estiver boa e ainda deixar eles investidos (eles permitem que você invista seus dólares em alguns fundos de investimento) para irem rendendo até sua viagem. Por eles serem um banco regulamentado nos EUA, você tem uma proteção de até 250 mil dólares do governo, caso aconteça algo com a empresa.

Você consegue usar em qualquer lugar do mundo o cartão, então todas as futuras viagens você já utiliza a mesma conta. O atendimento e suporte é todo em português. E não tem taxa nenhuma para manter ou abrir a conta.

Com essa conta você pode também fazer saques nos caixas eletrônicos do exterior para ter um pouco do seu dinheiro em espécie na viagem. Na Europa, por exemplo, você consegue sacar Euros. E os dois primeiros saques são isentos de qualquer taxa. Você automaticamente terá um cartão virtual de débito no seu celular, que já pode usar para fazer compras, mas pode solicitar também o cartão físico. Se for solicitar o cartão físico, solicite o quanto antes, pois ele é enviado dos EUA.

Sala VIP Guarulhos - Conta Global Digital Nomad

E agora eles possuem uma sala VIP bem legal no aeroporto de Guarulhos, para quem possui conta com eles. Um ótimo benefício e você vai poder utilizar ela em todas as suas viagens. Não se esqueça de utilizar o cupom GRUPODICAS20 na abertura da sua conta para ganhar até 20 dólares.

Outras alternativas para comprar euros

Para quem não quiser abrir a conta por algum motivo ou quiser já levar um pouco de euros em dinheiro, a gente sempre compra nessa casa de câmbio. É uma das maiores empresas de câmbio do país, tanto pela segurança como pelo preço. E, você consegue fazer tudo pela Internet e eles entregam na sua casa através de um portador. Mas a conta global ainda é disparada a melhor opção.

11. Dicas para estar comunicado e com internet durante a viagem a Amsterdã:

Outra forma de economizar na Holanda é na hora de usar o seu celular. Usar o seu roaming internacional no exterior com o chip do Brasil geralmente é a pior opção e acaba sendo muito mais caro. Para usar o wi-fi, a maioria dos hotéis cobra uma taxa diária que é muito cara e você só pode usar o celular dentro do hotel.

O que a maioria das pessoas faz e que vale muito a pena é comprar um chip pré pago internacional de uma empresa internacional. Acaba sendo MUITO mais barato e você consegue usar a internet tranquilamente, durante toda a sua viagem e com um excelente sinal.

Dica para usar o celular à vontade em Amsterdã

Se você for alugar um carro então, o chip vai sair de graça, pois com seu celular funcionando você não precisará alugar o GPS com a locadora de carros, porque poderá usar o do celular. O valor que economizará do GPS já paga o chip. E você vai usar MUITO o seu celular para pesquisar tudo em sua viagem.

Depois desses anos todos testando vários chips diferentes e viajando por todo o mundo, o que nós mais gostamos e sempre usamos agora é esse chip de viagem. Ele tem um bom preço e um serviço excelente. O sinal foi excelente em todas as cidades que visitamos, você compra super rápido no site deles e recebe em casa aqui no Brasil em poucos dias.

O legal é que por ser uma empresa brasileira, o atendimento é todo em português. Se você for viajar por uns 5 dias, o plano de 2GB dá tranquilo. Mas se for ficar mais, é legal comprar o de 5GB para garantir. O bom é que se acabar o plano (com nós nunca acabou e sempre deu tranquilo), você pode recarregar pelo aplicativo deles que é bem prático.

GPS no celular em Amsterdã

12. Dicas para encontrar passagens aérea mais em conta para Amsterdã

Seguindo algumas dicas importantes, você vai conseguir achar passagens aéreas bem mais baratas para Amsterdã e economizar muito, já que a passagem é o item mais caro da viagem. A primeira grande dica é acessar algum comparador de passagens aéreas, que faz uma busca em todas as companhias aéreas para Amsterdã. Ele poupa você de ter que entrar no site de cada companhia e já mostra todas as opções disponíveis.

Nós sempre usamos esse comparador de passagens aéreas, pois de todos é o que sempre tem os melhores preços e é um dos mais seguros e conhecidos do Brasil. Clique nele e siga as dicas abaixo que você vai economizar muito na compra das passagens. Só de utilizá-lo, você já vai conseguir achar os melhores preços e as melhores opções de passagens.

Avião na Holanda

  • Dicas da escala para economizar na passagem aérea:

Outra dica é sempre pesquisar as opções de voos que aparecem, porque uma viagem direta para o destino pode sair muito mais cara do que uma viagem com escalas. Só veja bem qual é o tempo da escala e onde ela é feita, para não perder muito tempo de viagem e chegar super cansado em Amsterdã, pois dessa forma pode não compensar. A dica é fazer bem as contas, pois às vezes se a diferença é pequena, vale mais a pena o voo direto para você aproveitar melhor a viagem e chegar mais rápido.

  • Dicas da antecedência para economizar na passagem aérea:

Pesquise também qual é o período de alta temporada do seu destino, pois fica tudo muito mais caro, principalmente as passagens aéreas. Em Amsterdã há vários meses que são mais intensos a nível de turismos: as férias de verão (de junho a setembro) e no inverno (principalmente de novembro a janeiro).

  • Dicas do dia do voo:

Outra dica legal para achar passagens aéreas mais baratas é pesquisar a data do voo sempre caindo numa segunda, terça ou quarta-feira. Os voos às quintas, sextas e principalmente os que caem aos sábados e domingos costumam ser mais caros. Além disso, o horário do voo também influencia no custo da passagem.

Geralmente as passagens aéreas noturnas são as mais caras, pois são as mais procuradas, justamente pelo conforto do “tempo passar mais rápido” já que vai dormindo. Já os voos de tarde, geralmente são mais baratos.

Voo para Amsterdã

Veja outras matérias imperdíveis de Amsterdã:

O que fazer em Amsterdã: Principais atrações, passeios e lugares de Amsterdã.
O que fazer a noite em Amsterdã: Tudo sobre a vida noturna da cidade.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *